Papai e Bebê: como criar vínculos

Quando a criança nasce, se apega mais a mamãe. Mas veja como papai e bebê podem criar vínculos desde cedo. Confira.

Assim que o bebê nasce, como ele mama e dorme a maior parte do tempo, muitos pais podem se sentir de fora e não saberem como se envolver.

Mas fique tranquilo, com o tempo essa relação irá se desenvolver. Basta que você participe desde o começo. Pensando nisso, daremos algumas dicas para que papai e bebê criem vínculos.

Leia mais sobre a importância da participação do pai na gestação.

Informação é tudo

Assim que a mulher descobre que está grávida (e muitas até antes disso) leem bastante e conversam com mamães sobre coisas relacionadas as crianças. Então, se informe você também.

Leia e converse com outros homens que tenham filhos para ir tirando dúvidas. Por mais difícil que pareça, você acaba pegando o jeito. Fique tranquilo!

A prática traz a perfeição

Acredite, que quando mais você se envolver desde a gestação, mais irá desenvolver seu lado paterno. Ninguém aprende num passe de mágica, inclusive a mamãe vai aprendendo conforme as coisas vão acontecendo.

Mas apesar de parecer que a mulher já nasce sabendo, isso se dá pelo fato de que a maioria já cuidou de sobrinhos, filhos das amigas, primos, etc. Faça o mesmo para ficar expert quando o seu pimpolho nascer.

Mesmo fazendo errado no começo, coloque a mão na massa, se proponha a trocar fraldas, acalmar quando o bebê chora, dar banhos e fazer passeios curtos sem a mamãe. Saia com a criança assim que ela mamar e volte torno de duas horas depois que é o tempo que o leite materno fará digestão e ela irá mamar novamente.

Para passear use o carrinho para poder levar tudo e ambos ficarem confortáveis.

Participe

No começo participar da vida do seu filho não será fácil, principalmente se você não tiver tempo disponível para isto. Então, sempre que tiver um tempinho livre, seja depois do trabalho ou nos dias de folga, passe tempo com o bebê.

 

 

Imponha-se quando necessário

Muitas vezes, nós mulheres deixamos os pais de fora, pois há um pensamento na sociedade que se dividirmos a responsabilidade com o pai, não estaremos sendo boas mães.

Por isso, se você perceber que a mãe do seu bebê não tem dado espaço para você participar, imponha seu desejo de criar vínculo com o bebê. Só não esqueça de fazê-lo com carinho e diálogo, evitando brigas.

Assumir responsabilidades além da financeira, irá ser ótimo para sua formação como pai, para o desenvolvimento do bebê e para que a mãe não fique estressada.

Conta físico é essencial

Como as mamães amamentam acabam tendo bastante contato físico com o bebê, o que fortalece o vínculo. Então aposte no contato físico também.

Brinque com a criança, pegue no colo, deite ela no seu peito, faça aviãozinho. Uma forma para acalentar o bebê é usar o wrap sling, pois como ele fica em contato com você irá se acalmar com mais facilidade.

 

Você participa ou conhece um papai que participa desde cedo da vida de seu filho. Comente aqui embaixo. Não esqueça e curtir o compartilhar o texto nas redes sociais.

Inscreva-se em nossa lista de e-mail para receber conteúdo exclusivo e promoções da nossa loja virtual.

 

Comentarios